A importância de desenvolver a vontade

Desenvolver a vontade faz com que você seja o protagonista da sua própria história.

Reflita!

Quem pensa dentro da sua mente?

Você!

Quem, além de você, é responsável pelo que você pensa?

Mais ninguém além de você! É somente você!

Cada pensamento seu configura a experiência de vida que você tem.

Seus pensamentos são coloridos por suas emoções e assim é pintado o quadro da sua vida.

Desenvolver a vontade é escolher as figuras e cores do seu quadro da vida!

Uma situação pode ser frustrante, mas ela será frustrante apenas se você se frustrar.

Uma pessoa pode lhe ofender, mas ela somente terá êxito se você se sentir ofendido(a).

Percebe o seu poder de ser protagonista da sua própria história ao desenvolver a vontade?

Um pedacinho de manhã

O ser humano molda a sua vida de acordo com a sua mente.

Repare nas variações de humor que uma pessoa pode ter em um curto espaço de tempo:

  • Acorda de mal humor
  • Ouve uma música e o humor melhora
  • Entristece-se ao dar bom dia e a outra pessoa não é efusiva
  • Alegra-se quando recebe uma mensagem de bom dia de outra pessoa
  • Irrita-se quando entra no carro e esqueceu as chaves ou perdeu o ônibus

Vítima das circunstâncias?

Uma gangorra emocional!

E a gangorra sendo movida em seu sobe e desce pela afetação de uma noite de sono, uma música, a reação do outro, algumas palavras em uma mensagem, chaves e um esquecimento ou por não estar no local certo na melhor hora.

Gozos e frustrações que surgem e desvanecem ao sabor de segundos!

No pedacinho de manhã descrito acima, a realidade foi vivida e construída mais em função das reações internas da pessoa do que das circunstâncias externas.

É difícil assumir esta responsabilidade de que somos protagonistas de nossa própria história e não vítimas dos outros e das circunstâncias.

Há pessoa que tem tudo e não faz nada.

Há pessoa que não tem nada e faz tudo.

Isso indica que não é o ter que faz algo acontecer. É a pessoa que faz! E a pessoa que faz é aquela que desenvolveu a vontade.

Eu escolho!

O que você escolher pensar se torna sua verdade!

E a sua verdade pode ser um fardo para você mesmo (a) carregar!

Cada pensamento carrega a “sua” verdade.

Você, por certo, já passou pela situação de alguém lhe perguntar alguma coisa que você não tem a resposta na hora e então você fala:

– Espera um pouco! Deixa eu pensar.

Ao usar esta frase você informou à outra pessoa de que está usando a sua liberdade!

Quando você pensa você escolhe!

Alguém que escolhe é porque tem mais de uma escolha!

Quem tem escolhas é livre!

Pensar é exercer a sua liberdade para fazer escolhas.

A ação de fazer escolhas é ato de vontade.

Perceba a importância de se desenvolver a vontade!

No exemplo acima de um pedacinho de manhã de alguém (que poderia ser você em alguma manhã), a pessoa apenas reagiu às circunstâncias e criou a sua gangorra emocional porque abriu mão de escolher.

Veja o poder que você pode ter sobre sua vida se você escolher o que pensar! Se você desenvolver a vontade!

Armadilhas mentais

Há pessoas que falam: “Sou livre porque faço o que me vem à cabeça!”.

Esta é uma afirmação um tanto duvidosa, porque como vimos, nossa cabeça é cheia de reações ou automatismos.

A sensação de liberdade de alguém que utiliza esta frase é equivocada, porque fazer “o que vem à cabeça” é sinônimo de que não houve escolha. Veio e aconteceu!

Liberdade é uma expressão que se consolida quando se faz escolha!

Outra armadilha mental muito comum é a visão negativa de si mesmo.

Infelizmente é muito comum pessoas carregarem ódio e raiva de si mesmos e o resultado disso é uma autopunição inconsciente e constante na vida.

São comuns as frases internalizadas como:

  • Eu não mereço ser feliz!
  • Não nasci para isso!
  • Não sou bom o suficiente!

São comuns emoções como: culpa, raiva, ressentimento e medo serem os gatinhos para as reações que roubam a liberdade ou de comportamentos que colocam a pessoa num círculo vicioso de situações.

Vontade dá solução

A quebra desse ciclo de reações e do círculo vicioso de situações desagradáveis tem solução: é desenvolver a vontade.

Vontade, esta função essencial!

É a partir dela que todos os movimentos da vida acontecem, isto é, a vontade é a fonte e origem do viver humano.

A “vontade” é fundamental dentro da Psicoespiritualidade! (para saber mais sobre Psicoespiritualidade me acompanhe no site Psicologia Profunda).

Da vontade são emanadas as decisões, escolhas e compromissos que conduzem o ser humano e delineiam o seu caminho.

Desenvolver a vontade é ganhar liberdade, é ter a solução para os problemas gerados por si mesmo e acredite, são muitos os problemas que nós criamos para nós mesmos! Palavra de psicólogo!

Desenvolver a vontade, porém, não é algo simples para seres que estão acostumados a somente reagir na vida.

Desenvolver a vontade propicia: deliberação, motivação, decisão, afirmação, persistência e execução.

Não é simples, mas é possível! E é valioso! E é gratificante quando conseguido!

Fica o convite para você seguir a área temática: “Desenvolvimento Pessoal” aqui no Euniverso que os temas sobre o desenvolvimento da vontade serão recorrentes.

Um abraço e até a próxima!

Paulo Rogério da Motta