Autoconhecimento e um mundo melhor

Mundo Melhor

A todo instante estamos agindo e interagindo com o que nos rodeia através da nossa percepção.

Os sentidos são como antenas que captam os estímulos provenientes do meio (mundo exterior) como também do nosso íntimo (mundo interior).

Quando percebemos algo refletimos esse algo real na forma de imagem em nosso pensamento.

Muitos animais apresentam essa possibilidade. Mas nós, homens, compreendemos – relacionando e conceituando – o que está a nossa volta.

Podemos oferecer um mesmo estímulo para diversas pessoas, porém a percepção desse mesmo estímulo pode ser percebida e interpretada de diversas maneiras.

A percepção individual do mundo

Muitas vezes o que uma pessoa sente, pensa e imagina, depende mais de sua experiência interior do que dos fatos e acontecimentos objetivos.

Cada cabeça uma sentença.

Então, faça suas sentenças, faça seus planos, escolha e conjugue os verbos da sua vida, faça o que tem de ser feito e aprenda a esperar o efeito.

Acorde todos os dias para seguir o plano que traçou e, não apenas, para viver mais um dia e na vida há momentos de se ir em frente e há momentos em que é preciso esperar.

Descubra o que é importante para você, pois se o sucesso não estiver acompanhado da felicidade ele não será completo.

Tenha coragem de sonhar, tenha coragem de acreditar no seu sonho e tenha coragem para buscar o seu sonho e lembre-se que coragem não significa ausência de medo.

Ser corajoso é seguir em frente apesar do medo.

E a coragem realmente se comprova quando ousamos olhar para dentro de nós.

Ao olharmos a luz em nós percebemos o quanto somos divinos e ao olharmos a sombra em nós percebermos com humildade o quanto somos humanos e que fomos também configurados por nossos medos, ilusões, história de vida…

Autoconhecer-se significa a coragem de perceber que bons sonhos dependem de um bom sonhador.

Escreva a sua história e seja um bom autor.

Paulo Rogério da Motta