Música: Paciência de Lenine


A música: Paciência de Lenine é uma daquelas músicas que mais do que ouvir ela serve para que possamos refletir!

Paciência de Lenine


Isaac Newton: “Se fiz descobertas valiosas, foi mais por ter paciência do que qualquer outro talento.”.


Hoje em dia as relações humanas estão cada vez mais difíceis. Com o estresse que vivemos ficamos mais intolerantes conosco e com os outros.

Talvez este seja o momento de refletirmos um pouco mais a respeito dos nossos sentimentos e atitudes.

Paciência de Lenine


Hermann Hesse: “Para a arte de viver, é preciso saber a arte de ouvir, sorrir e ter paciência… sempre.”.


Fica o convite para você curtir a música: Paciência de Lenine.

Boa música e boa reflexão!

Vídeo: Paciência de Lenine

Paciência de Lenine

Mesmo quando tudo pede

Um pouco mais de calma

Até quando o corpo pede

Um pouco mais de alma

A vida não para

Enquanto o tempo

Acelera e pede pressa

Eu me recuso, faço hora

Vou na valsa

A vida é tão rara

Enquanto todo mundo

Espera a cura do mal

E a loucura finge

Que isso tudo é normal

Eu finjo ter paciência

O mundo vai girando

Cada vez mais veloz

A gente espera do mundo

E o mundo espera de nós

Um pouco mais de paciência

Será que é tempo

Que lhe falta pra perceber?

Será que temos esse tempo

Pra perder?

E quem quer saber?

A vida é tão rara

Tão rara

Mesmo quando tudo pede

Um pouco mais de calma

Até quando o corpo pede

Um pouco mais de alma

Eu sei, a vida não para

A vida não para não

Será que é tempo

Que lhe falta pra perceber?

Será que temos esse tempo

Pra perder?

E quem quer saber?

A vida é tão rara

Tão rara

Mesmo quando tudo pede

Um pouco mais de calma

Até quando o corpo pede

Um pouco mais de alma

Eu sei, a vida é tão rara

A vida não para não

A vida é tão rara

Paciência de Lenine

Rosseau: “A paciência é amarga, mas seu fruto é doce !”.


Inspire-se, relaxe, medite com o vídeo:

Buda