O que são valores humanos?

Artigo baseado e com excertos da obra: “Valores Humanos na Educação”, de Maria Fernanda Nogueira Mesquita.

Falamos constantemente sobre o tema, mas, na verdade, o que são valores humanos?

Trata-se de um tema que envolve ética e desenvolvimento pessoal e podemos iniciar a resposta dizendo que valores humanos consistem no conjunto de qualidades que nos distinguem como seres humanos independentes de credo, raça, condição social ou religião.

Inerentes ao homem, as qualidades verdade, retidão, paz, amor e não violência constitui o conceito que chamamos de excelência humana.

Os valores humanos existem desde os primórdios dos tempos e são as metas de todas as religiões, códigos de ética e filosofias e são o tesouro mais precioso da humanidade.

Independentemente de dificuldades, sofrimentos e decepções; cabe a todo ser humano encontrar seus próprios valores em sua trajetória sobre a terra.

A principal finalidade da educação não deveria ser promover a obtenção de notas e diplomas, a conquista de ótimos empregos e o ganho de dinheiro, e sim formar pessoas de caráter, ética e felizes.

Felicidade e valores humanos

A resposta para o que são valores humanos tem algo a ver com felicidade?

Sim! Totalmente!

Porque felicidade, afinal, não é estar radiante de alegria e de bom humor diariamente, mas permanecer em harmonia com sua natureza humana.

A felicidade não está na busca desenfreada de bens materiais, e sim dentro de nós mesmos.

Vídeo: Criança e consumismo

Valores humanos e natureza humana

As leis da natureza humana só serão cumpridas quando conseguirmos sermos leais à verdade, o que nos levará à retidão, a qual nos proporcionará a paz.

Estando em paz, torna-se possível para nós viver e entender o verdadeiro amor incondicional.

Com esses valores aflorados, somos capazes de praticar a não violência, que é a abstenção de ferir o outro pelo pensamento, pela palavra ou pela ação.

O ser humano precisa, de modo urgente, resgatar sua verdadeira essência, que ficou esquecida em algum trecho da caminhada da humanidade.

Sem essa bagagem preciosa, os valores humanos, estaremos fadados a vagar pela terra e assistir horrorizados ao caos que se instalará.

o que são valores humanos

Valores humanos e o mundo atual

A resposta para o que são valores humanos se tornou urgente no mundo atual!

Por quê?

Porque a violência nos espreita nas escolas, nas ruas, no trânsito, nos locais de lazer e até mesmo dentro do lar.

O homem concentrou-se muito no desenvolvimento da ciência e da tecnologia, o que contribuiu substancialmente para melhorar as condições materiais de sua vida, mas esqueceu-se de si mesmo.

Visou ao conforto exterior, deixando em segundo plano o interior.

Esqueceu que é formado por corpo, mente e espírito.

Estamos em meio a uma perigosa crise de valores!

Em todos os segmentos sociais, raciais ou religiosos, o que vemos são flagrantes de intolerância, frieza e absoluta transgressão de princípios éticos e morais.

É fácil culpar o estresse da vida cotidiana, a influência negativa dos meios de comunicação de massa, o excesso de informação, as más companhias, as drogas, a pobreza.

Realmente, todos esses aspectos contribuem muito para o quadro atual. É difícil evitar tudo isso.

Não estamos conseguindo moldar adequadamente o caráter.

Assim, o homem endureceu, acatando a imposição do mundo moderno, onde reina o medo, a insegurança, a falta de amor.

Sua criatividade foi posta de lado e seus sentimentos abafados!

o que são valores humanos

Valores humanos não são dados, são conquistados

Para fazer frente à atual crise de valores teremos que abandonar a atitude de impotência e trilhar um novo caminho originado de nosso interior.

E é uma caminhada árdua e que exigirá um trabalho sério, mas será cheia de descobertas e transformações.

O que são valores humanos?

São o maior tesouro que alguém pode ter, pois quem os tem passa a ter a dádiva de  ser quem realmente é.

Porém a melhor resposta para essa pergunta talvez seja a de que os valores humanos são os frutos do altruísmo, ou se você preferir, do “amor”.

Vídeo: A mais bela de todas as coisas

Abraham Lincoln: “Não sou obrigado a vencer, mas tenho o dever de ser verdadeiro. Não sou obrigado a ter sucesso, mas tenho o dever de corresponder à luz que tenho.”.