Os novos empreendedores


Os novos empreendedores mostram que criatividade, independência e entusiasmo são vitais para o sucesso na atualidade.

Este é o espírito dos novos empreendedores!

Os novos empreendedores

Criatividade, independência e entusiasmo


 

Ser forte não significa ser grande no mercado!

Hoje temos várias empresas que são grandes e são exemplos de fragilidade empresarial.

Ser grande não significa ser competente e ser pequeno não é sinônimo de fragilidade.

Hoje o êxito no mercado depende muito da força daquele que é o empreendedor.

Criatividade, independência e entusiasmo são características dos novos empreendedores.

A criatividade dos novos empreendedores aparece na criação de novos produtos, descoberta de nichos pouco explorados, inovação nos meios de produção e em inéditos meios de divulgação de sua marca ou produto.

Theodore Levitt, professor da Universidade de Harvard, disse: “criatividade imagina as coisas novas, a inovação faz as coisas novas”.

A criatividade presente nos novos empreendedores é potencializada pelo entusiasmo que carregam.

O desejo de sucesso é o que fomenta o entusiasmo do novo empreendedor!

Por sua vez, o desejo de independência fomenta o entusiasmo!

Criou-se um círculo virtuoso para sua atuação no mercado: criatividade, independência e entusiasmo giram a roda do sucesso.

Os novos empreendedores

Os novos empreendedores


 

Os novos empreendedores mostram que perceberam que para se obter êxito na atualidade é preciso se adaptar às mudanças do mercado e hoje as mudanças acontecem constantemente.

Hoje vivemos num contexto de desemprego, de falência do Estado e instabilidade econômica.

Há que se ser extremamente adaptável para sobreviver no mercado atualmente!

Pessoas inflexíveis que apostam numa fórmula pronta têm poucas possibilidades de êxito no mercado atual.

Os novos empreendedores estão atentos a temas como: terceirização, novas tecnologias, mudança de comportamento dos clientes e mercado, estratégias de segmentação e atendimento personalizado.

Em tempo de revolução tecnológica em que as pessoas tem acesso a muita informação e possibilidades o cliente é rei!

Hoje vemos a grande insatisfação com empresas gigantes que dominam certo segmento do mercado e que pela falta de concorrência conseguem obter resultado mesmo não priorizando a satisfação do cliente.

Pequenas empresas, por sua vez, dão aula de competência a estas grandes empresas com seu atendimento focado na satisfação do cliente.

Os novos empreendedores carregam como missão de seu empreendimento o compromisso com o cliente e a consciência de que seu êxito depende da boa relação com o seu cliente.

Os novos empreendedores dedicam tempo ao seu negócio e são cientes de que o seu negócio precisa ser gerenciado e que o verdadeiro “dono” do seu negócio é o cliente.

O cliente é aquele que pode demiti-lo do mercado!

Os novos empreendedores também são cientes que a desinformação e o menosprezo das estratégias de marketing são pecados capitais no mercado atual.

Enfim, novos tempos, novos empreendedores!

O tempo é um palco e somente os bons atores merecem os aplausos!


Vídeo: Os novos empreendedores